Notícias

Por verbas e contra proposta de redução de autonomia, professores da UFMG podem entrar em greve

Por Redação, 22/01/2020 às 08:12
atualizado em: 22/01/2020 às 08:56

Texto:

Foto: Foca Lisboa/UFMG
Foca Lisboa/UFMG
00:00 00:00

Professores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) podem entrar em greve neste ano por causa do contingenciamento nas verbas da educação federal e da proposta de redução da autonomia das universidades, inclusive na escolha da direção.

Segundo uma das diretoras do Sindicato dos Professores de Universidades Federais de Belo Horizonte e Montes Claros (APUBH), Analise Silva, muitos educadores pretendem lançar uma campanha para que o Ministro da Educação, Abraham Weintraub, saia do cargo.

Ela afirma que a UFMG tem o maior número de patentes de produtos do Brasil, forma milhares de alunos por ano e já sofreu muitos cortes.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'O projeto introduz dispositivos claros e objetivos, com penalidade para aqueles que prestarem informações falsas ou deixarem de executar as medidas compensatórias', defend...

    Acessar Link