Notícias

Vacinação e vida saudável ajudam sistema imunológico a barrar doenças

Por Jacqueline Moura, 12/06/2019 às 11:19
atualizado em: 14/06/2019 às 10:28

Texto:

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil
Tomaz Silva/Agência Brasil

Nas estações mais frias do ano e com o tempo seco, aumentam os riscos de adquirir alguma doença respiratória, tanto por vírus, quanto por bactéria. Por isso é necessário ter o sistema imunológico fortalecido para responder adequadamente. Mas o que é sistema imunológico? 

Especialistas da área da saúde fazem uma analogia definindo o sistema imunológico como uma barreira complexa, composta por milhões de células de diferentes tipos e com diferentes funções, responsáveis por garantir a defesa do organismo e por manter o corpo funcionando livre de doenças. Ações preventivas ajudam a manter essa barreira em perfeito funcionamento.

“O equilíbrio imunológico é tudo na vida do ser humano. Vivemos em um ambiente agressivo com bactérias, vírus e fungos. O que nos impede de ter sintomas de doenças causadas por esses microrganismos é a resposta que o sistema imunológico dá a essas doenças”, detalha o médico Valério Trindade, clínico geral e cardiologista da Unimed –BH.

Um dos principais cuidados é manter em dia o calendário de vacinação, principalmente com as doses contra a gripe. Mas o médico alerta que outras medidas  são necessárias. “Ao longo do ano, os cuidados com a vida saudável devem ser tomados. Uma dieta equilibrada, sono reparador, atividade física regular, pouco ou nenhum consumo de bebidas alcoólicas e cigarro. Tudo isso ajuda a fortalecer ainda mais nosso sistema imunológico”. 

Segundo o especialista, outra ação a ser realizada para manter o sistema imunológico equilibrado é a preocupação com a felicidade e bem-estar.  Cuidados com depressão, ansiedade e estresse também são fundamentais para ajudar na imunidade. 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link