Notícias

Salum cita negociação para investimento milionário e fala de momento difícil na temporada 

Por Redação , 09/08/2019 às 12:30
atualizado em: 09/08/2019 às 15:58

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Estevão Germano/ América Flickr
Estevão Germano/ América Flickr

O presidente do Conselho de Administração do América, Marcus Salum, disse, em entrevista exclusiva à Rádio Itatiaia, que o clube passa um processo de reavaliação para buscar um parceiro que coloque o clube no patamar dos gigantes nacionais. O cartola detalhou a situação do clube para membros dos conselhos Consultivo e Deliberativo nessa quinta-feira (9). 

Ouça a entrevista completa aqui 

Para a reportagem da Itatiaia, Salum disse que a negociação com o grupo chinês que pode investir R$ 200 milhões no clube continua. “Está em andamento. Nós estamos passando por um processo de reavaliação, chamado de valorização do que nós temos, para apresentar uma proposta. É uma possibilidade, mas, na verdade, o América está se preparando para ter um parceiro. Tomara que dê certo. Se não for esse, vai ser outro”, disse o dirigente.

Salum destaca ainda que viabilidade financeira é a única maneira de o América voltar a ser um grande clube nacional. “Tem que mudar essa condição de receita imposta aos clubes do futebol brasileiro: os grandes ganham muito e os menores ganham pouco”, disse. 

“O América já foi cinco vezes seguidas para a Série A, mas chega lá e não tem dinheiro. Este ano estão aí Avaí, CSA e Fortaleza no mesmo caminho que o América seguiu, de não ter dinheiro para disputar a Série A”.

“Estamos lutando para plantar uma semente e colher dessa transformação. Graças a Deus, o América é organizado o suficiente para atrair parceiros. Time sério, ético, paga suas contas, tem pouca dívida, (tem) patrimônio... então nós estamos buscando esses parceiros”, destava. 

Salum também admitiu que o América tentou a contratação do atacante Ribamar, do Vasco, que não vem sendo utilizado pelo treinador Vanderlei Luxemburgo. As negociações, no entanto, não avançaram. 

Momento difícil

Sobre o momento atual do time, que luta para se distanciar do Z4 da Série B, Salum ressaltou que o clube ainda sente os reflexos do rebaixamento da Série A para B. 

“A gente vive um momento difícil no América. Desde a queda, a gente não se equacionou do jeito que estamos acostumados. Problemas financeiros, problema de tudo, problema técnico. Cair da primeira (Série A) para a segunda (Série B) é difícil. Nesse momento de muita aflição, da posição que estamos no campeonato, me foi solicitado receber o conselho Consultivo e Deliberativo”, disse o dirigente, que respondeu “uma saraivada de perguntas”.

“Logicamente que ninguém está satisfeito com a posição do América no campeonato. Estamos lutando para sair dela, ainda não está nada resolvido, mas estamos andando", completa.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link