Notícias

Com reservas na Bahia, Cruzeiro tentará quebrar sequência ruim no Brasileiro e vencer a 1ª fora

Por Redação, 19/07/2019 às 19:14
atualizado em: 20/07/2019 às 08:17

Texto:

Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro
Bruno Haddad/Cruzeiro

A delegação do Cruzeiro viajou na tarde desta sexta-feira para Salvador onde enfrenta o Bahia, neste sábado, às 17h, na Fonte Nova, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Há sete jogos sem vencer na competição por pontos corridos, o clube celeste precisa ganhar para quebrar a sequência negativa e deixar a zona de rebaixamento.

Como os jogadores titulares ficaram em Belo Horizonte para trabalhar visando ao compromisso de terça-feira contra o River Plate, em Buenos Aires, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, o técnico Mano Menezes escalará um time reserva em Salvador.

Vários atletas que eram da base e foram promovidos recentemente terão uma oportunidade na Fonte Nova, como o lateral-direito Weverton, que atuou no empate com o Botafogo no último domingo (14), o zagueiro Cacá, o volante Ederson e o meia Maurício.

Nesta sexta-feira, Mano fechou o treino à imprensa fazendo mistério quanto à escalação. No entanto, na atividade de quinta, o treinador havia esboçado o time com uma formação reserva e utilizou: Rafael; Weverton, Fabrício Bruno, Cacá e Dodô; Ederson, Ariel Cabral, Jadson, Maurício e David; Sassá.

A missão dos reservas do Cruzeiro será fazer o clube voltar a vencer no Brasileirão. A última vez foi no dia 25 de abril, quando o time bateu o Goiás por 2 a 1, no Mineirão, pela terceira rodada. Desde então, foram quatro derrotas (Internacional, Fluminense, Chapecoense e Fortaleza) e três empates (São Paulo, Corinthians e Botafogo).

Além disso, os reservas da Raposa tentarão, em Salvador, conquistar o primeiro triunfo da equipe fora de casa na competição nacional. Até o momento, são quatro derrotas e um empate.

Se está bem na Libertadores e na Copa do Brasil – eliminou o arquirrival Atlético na última quarta-feira (17) e avançou às semifinais – no Brasileirão, o Cruzeiro vem mal. O time está em 17º lugar, com nove pontos, empatado com o Vasco na pontuação e em todos os critérios técnicos. No entanto, a equipe celeste fica atrás dos cariocas por ter levado mais cartões vermelhos.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link